O Circo estrelando: Britney Spears

Não é novidade que Britney Spears é a maior showgirl que esse mundo já viu. A melhor performer e tal. Também não é novidade que ela está com um CD novo, aliás, eu não deixo nada disso passar, né? Rs. O que pode ser novidade é que há poucos dias ela iniciou a turnê de seu 6º álbum de inéditas: “The Circus Starring: Britney Spears”.

Claramente, a maior turnê da carreira de Spears, a “Circus Starring…” é dirigida por Jamie King, que já dirigiu a “Confessions Tour” e a “Sticky & Sweet Tour”, de Madonna, a “Back To Basics Tour”, da Christina Aguilera, a “The Return Of The Spice Girls Tour 2008”, das Spice Girls (claro), entre outras várias. Ele é O CARA das turnês mundiais.

Os shows de abertura ficam por conta das Pussycat Dolls, nos Estados Unidos, e da cantora Ciara, na Europa.

A “Circus Starring…” traz alguns dos clássicos de Britney, com músicas dos dois últimos álbuns, principalmente do “Blackout”, de 2007, sem divulgação nenhuma.

No melhor estilo paquita, Britney começa o show ao som da faixa-título de seu mais novo álbum, “Circus”, e depois de botar ordem na casa, é presa numa jaula enquanto performa “Piece Of Me”. E até o final, passa por assistente de mágico, em “Ooh Ooh Baby”, em que aparece, é partida em três, e some no palco, sargentona sexy, em “Boys”, dançarina indiana em “Me Against The Music”, e até policial gostosona, em “Womanizer”.

Um dia antes da turnê realmente começar, o site oficial de Spears liberou a setlist oficial, depois de vááárias falsas:

PRIMEIRO BLOCO: CIRCO
Introdução: Vídeo com Perez Hilton
1. Circus (Funky Remix)
2. Piece of Me

Sequência Tempestade
3. Radar
SEGUNDO BLOCO: CASA DA DIVERSÃO (VALE TUDO)
Sequência Artes Marciais (ao som de Gimme More Remix)
4. Ooh Ooh Baby/Hot as Ice
5. Boys (The Co-Ed Remix)
6. If U Seek Amy
7. Me Against the Music (Bollywood)
8. Everytime

TERCEIRO BLOCO: FREAKSHOW/PEEPSHOW
Sequência Everybody’s Looking for Something (ao som da versão de Marilyn Manson para Sweet Dreams)
9. Freakshow
10. Get Naked

Britney’s Hotline
11. Breathe on Me / Touch of My Hand

QUARTO BLOCO: ELECTRO CIRC
Sequência Break the Ice
12. Do Somethin’
13. I’m A Slave
4 U
Sequência Dançarinos / Sequência Heartbeat
14. Toxic
15. …Baby One More Time

QUINTO BLOCO: ENCORE
Sequência Break The Ice
16. Womanizer

O circo tá montado pra quebrar tudo. Além da setlist, saiu na internet, o vídeo teaser do ensaio geral da turnê, com o oferecimento da Candie’s, já que Britney é a nova garota-propaganda da loja. E também saiu um vídeo do ensaio de “Circus”. Até o momento, são 40 shows marcados pelos EUA, Canadá e Reino Unido.

Vídeos das performances, é o que não falta no YouTube. Basta dar uma fuçadinha. Rs. Ah, e não adianta ir se alegrando achando que a xuxuzinha do pop resolveu cantar ao vivo não, tá? Mesmo assim, a crítica resolveu aceitar esse fato, e até que anda falando muita coisa boa da moça.

Pra acompanhar o lançamento da “The Circus Starring: Britney Spears”, eu preparei um post com todas as turnês de Britney até hoje.

Para saber um pouco mais sobre cada uma das oito turnês anteriores de Britney e ver mais fotos da turnê “The Circus Starring: Britney Spears, clique em “Continue lendo…”

L’Oreal Hair Zone Mall Tour (1998)
Essa foi a primeira turnê da Srta. Spears. Britney, incansavelmente, para promover o lançamento de seu primeiro álbum, “…Baby One More Time”, percorreu diversos shopping centers dos Estados Unidos cantando (na época ainda era ao vivo) e dançando. Sem muito glamour, nem nada de muito especial. Na época, ela ainda era uma simples cantora teen que tinha sido recém-lançada. Mas apesar disso tudo, a turnê foi um enorme sucesso. Nesses shows, Britney entregava fitas (lembra?) com seu single de estreia, e brindes, sempre distribuindo autógrafos. Britney cantava sucessos como “…Baby One More Time”, “Sometimes”, “Crazy” e “Born To Make You Happy”.

‘N Sync Tour (1999)
Essa turnê pelos shoppings, depois de um tempo, se tornou o show de abertura da turnê da boyband ‘N Sync (que tem muita gente que não conhece, por mais incrível que isso pareça). O show era basicamente o mesmo da Mall Tour, mas com um alcance um pouco maior, já que atingia todos os fãs de ‘N Sync, que também eram um fenômeno mundial. PS: foi nesse período que Britney reencontrou Justin Timberlake (seu amigo de longa data, do Clube do Mickey), e começaram a namorar.

…Baby One More Time Tour (1999)
Assim que seu segundo single, “Sometimes”, saiu, em maio de 1999, começaram os preparativos para essa, que seria a primeira turnê mundial de Britney. Com 56 shows por todos os EUA, Canadá e Ásia, a turnê durou 3 meses. Nesse show, Britney, além de cantar 8 músicas de seu álbum de estréia, ainda fazia covers de Madonna e Janet Jackson. Nessa época, Britney já começava a descobrir as maravilhas e benefícios que o playback podiam trazer (rs). Uma curiosidade é que a Nestlé, que patrocinava Britney na turnê, a deixou assim que as fotos para a Rolling Stone, em 99, foram divulgadas (e ainda com um rumor de que ela havia colocado silicone nos seios). A turnê deixou Britney US$ 5 milhões mais rica.

Crazy 2K Tour (1999)
Ainda em 1999, com o lançamento do 4º single, “From The Bottom Of My Broken Heart”, Britney saiu novamente em turnê. Era importante que o nome de Britney ficasse em evidência, para que se firmasse. Pouquíssimas diferenças dessa turnê para a anterior. Apenas na estrutura do palco. Foi durante essa turnê que Britney gravou seu segundo álbum: “Oops!… I Did It Again”, então foi nela que Britney lançou duas das então inéditas faixas: “Don’t Let Me Be The Last To Know” e “Oops!… I Did It Again”.

Oops!… I Did It Again World Tour (2000)
Como a tendência das turnês é só aumentar, a “Oops Tour” foi bem maior que as turnês anteriores. A essa altura, Britney já era mais do que sinônimo de princesa do pop. Britney percorreu diversos países da Europa com essa turnê. A maior curiosidade acerca dela é que, mesmo tendo acabado em novembro de 2000, Britney foi convidada a participar do Rock In Rio III, em janeiro de 2001, e veio ao Brasil, para um show único em terras tupiniquins. Foi “o maior público para quem [Britney] já cantou”, palavras da própria, sobre o público de mais de 250.000 pessoas. Rendeu US$ 30 milhões a Britney. Ela se apresentou com sucessos como “Lucky”, “Oops!…”, “Stronger”, além das já consagradas “Crazy”, “Sometimes”, “…Baby One More Time”. Apesar de um show em Londres ter sido gravado, e um show em sua cidade natal Kentwood, em Louisiana ter se tornado um especial para TV, essa turnê ainda não tem registros oficiais lançados em DVD.

Dream Within A Dream Tour (2001)
Sem dúvida, a maior turnê de Britney. E na minha humilde opinião, a melhor. Antes do lançamento de seu terceiro álbum, “Britney”, a cantora começou a turnê, que percorreu apenas os EUA, com dois shows a mais no México e um no Japão. É a que reúne o maior número de aparatos tecnológicos, e até chove no palco. Esse show foi transmitido ao vivo pela HBO, no dia 18 de novembro de 2001, para todo o país e, mais tarde, ganhou um DVD chamado “Britney Spears live from Las Vegas”, que é o mais vendido de Britney até hoje. Teve faturamento total de R$ 52,3 milhões, sendo a mais bem sucedida de Spears. A turnê tinha uma média de faturamento bruto de US$ 1 milhão, por noite! Entre os sucessos apresentados por Britney, estão os clássicos e os inéditos “I’m A Slave 4 U”, “Overprotected” e “Boys. É a turnê que tem as melhores coreografias, e figurino. Vale a pena assistir. Além do DVD do show, Britney ainda lançou um livro chamado “Stages” com fotos dos bastidores, e que vinha com um DVD, também dos bastidores dos shows no México.

The Onyx Hotel Tour (2004)
A mais polêmica de todas as turnês de Britney. Foram 52 shows de muita sensualidade. Foi considerada uma das maiores de 2004. Depois do beijo entre ela e Madonna, um casamento de 55 horas e aparecer seminua no vídeo de “Toxic”, Britney precisava buscar uma forma de continuar a onda de polêmicas. A turnê foi inspirada na cidade de Tóquio, pelo jeito urbano que apaixonou Spears. Algumas performances ainda têm toques de alguns hotéis de Berlim, da década de 30. Britney ainda performa ao som de “Baby One More Time” e “Oops!…”, mas agora, com um toque no estilo cabaré. O New York Times publicou uma nota a respeito da turnê: “Nada de chiclete e algodão doce, Britney quer que você vá para a cama com ela”. É… É mais ou menos isso. Com performances em que ela simula uma masturbação, e outra em que ela beija de língua um de seus dançarinos – isso, com todos usando apenas suas peças íntimas -, a turnê garante várias “emoções”. A turnê se dividiria em 3 partes, mas infelizmente, Britney sofreu um acidente muito grave, durante a gravação do videoclipe de “Outrageous”, e foi obrigada a parar antes de começar a terceira parte. Dos 91 shows marcados, apenas 52 foram realizados. Dois dos shows da turnê foram transmitidos ao vivo. O primeiro foi o do de Miami, que foi transmitido pelo canal Showtime, para todo o EUA. O segundo foi o show do Rock In Rio Lisboa, que foi transmitido ao vivo apenas para Portugal e Brasil. Infelizmente, nenhum desses registros virou DVD oficial. Britney faturou US$ 34 milhões com essa turnê, que contava com sucessos como “Toxic”, “Everytime”, “Me Against The Music”, e mais os clássicos como “Slave”.

The M+M’s Tour (2007)
Essa foi uma turnê um tanto quanto perturbadora. Já rolavam alguns rumores de que Britney faria uma turnê, mas nada confirmado. Foram apenas seis shows, nas casas House Of Blues dos EUA. Na verdade, até a primeira apresentação, não havia confirmação de que as apresentações seriam de Britney Spears, já que no cronograma de apresentações das casas, havia apenas “M+M’s”. Os shows duravam apenas 15 minutos, sem nenhuma pausa para Britney conversar com o público, e com um figurino altamente questionável. Britney, ainda com a cabeça rapada, usava peruca. Spears se apresentava com 5 músicas: “Baby One More Time”, “I’m A Slave 4 U”, “Breathe On Me”, “Do Somethin'” e “Toxic”. Foi ainda no período “negro” de Britney. Rendeu várias – vááarias – críticas da imprensa.

Agora, em 2009, a gente espera a maior turnê da história da música. Tudo bem, pode ser só a maior turnê da carreira de Britney. E ainda com esperança de que ela venha ao Brasil, né?

Mais fotos da Circus Tour:

Anúncios

4 pensamentos sobre “O Circo estrelando: Britney Spears

  1. tá na hora de atualizar isso ake, hein amore?
    posta sobre a Leighton Meester, a Blair de Gossip Girl. Ela lançou seu primeiro single nas rádios HOJE, a musica é ótima!

  2. Muito bem-elaborado o post!
    A primeira parte da turn~e já se foi, infelizmente não fiquei satisfeito, mesmo sendo muito fã da artista. Vamos esperar pela parte Européia da turnê, e rezar para que o circo chegue ao Brasil!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s